\ {buongiorno danielle}: Hakuna Matata
25/09/2012

Hakuna Matata


Ando com o humor um pouquinho melhor e isso, com certeza, é uma vitória para mim. Há uns dias atrás me peguei cantando e dançando ao som de Elvis e The Beatles, depois foi ao som de Grease, e ontem resolvi me animar com aquela música fantástica, Hakuna Matata, e como não me lembrar da minha infância quando eu passava tardes chuvosas e frias assistindo a Rei Leão? Hein? E foi então que me deu uma nostalgia enorme...

Eu me lembrei de como há uns dois anos atrás eu era tão, mas tão feliz que chegava a ser insuportável. Hoje, sou tão depressiva que também chego a ser insuportável e isso não é legal. Parece exagero, né? Mas não é. Eu queria mesmo esbanjar alegria o tempo todo, mas quem eu quero enganar, não? A gente sabe que não é bem assim. Mas eu prometi a mim mesma que, daqui para frente, vou voltar aos pouquinhos a ser aquela menina que tinha uma criança inquieta dentro de si.

Por causa dos problemas eu acabei me protegendo da pior forma possível: me fechando. Antes eu era extrovertida, agora sou introvertida. Eu tinha uma boa conversa, era mais confiante, não me importava tanto com certas coisas. Quase nada me afetava. Aquelas pessoas que só queriam o meu mal eram apenas pedrinhas no sapato. Era fácil livra-se delas. Agora tudo é um grande peso. Acho que é a idade, as influências. Você chega na adolescência querendo ser legal, ser notado/notada. Parece fútil, mas é verdade! Eu gosto de ser reconhecida pelas coisas que faço (por isso fico tão feliz quando compartilho meus textos e fotografias, ou vejo comentários aqui pelo blog).

Mas o que me fez mudar de ideia mesmo foi ter conversado com pessoas maravilhosas. E também li um texto super inspirador no Design of Monsters que me fez refletir bastante sobre o que ando postando aqui. Não tem jeito: meu estado emocional certamente vai interferir na minha escrita, principalmente aqui no blog. Mas é claro que não terá só coisas tristes por aqui! Sei balancear meus posts. Assim como não repito muitos posts-desabafos, não repito indicações musicais ou posts de fotografia (que, na verdade, deveriam aparecer por aqui com mais frenquência, né...)

Mas é isso. Fiquem com a música infantil mais linda e inspiradora de todos os tempos!

Hakuna Matata by Lion King on Grooveshark

5 comentários:

Anônimo disse...

Preciso ouvir muita Hakuna Matata então Dani - Mãe Lúcia aqui

Karla Reis. disse...

Hakuna Matata é pra dar vida à qualquer coração tristonho! Fez bem em compartilhar isso com a gente, Dani. Quem é que não tem um pouco de Rei Leão dentro de si? Ê saudade... ♥

Rafaela Ribeiro disse...

Ôh, saudade *.*

Adorei o post e a tua ideia de compartilhar mais um pouquinho de você com a gente, leitores ♥

Antonia Chevallier Sundrani disse...

Essa música é muito nostalgia mesmo!
Entendo bem o que você quer dizer, eu também era super extrovertida quando criança e agora sou a pessoa mais introvertida e fechada que eu conheço :/ to tentando mudar isso, e acho que o blog até ajuda um pouco, mas enfim, difícil mudar, né?
Beijos, flor!

Ann
http://www.vinteepoucos.com.br/

Danielle gomide disse...

Sempre terá posts desse tipo por aqui para vocês se identificarem, Rafa :)

Postar um comentário